Óleos para Cabelo Óleos para Pele

Óleo de pracaxi é o “óleo milagroso” para cabelos e pele. Veja as razões…

Ele é chamado de “óleo milagroso” e “silicone natural”. Dá para perceber logo de cara o que vem pela frente, não é mesmo? O óleo de pracaxi pode ser a riqueza nutricional que seus cabelos e pele precisam para continuar lindos e tratados.

Extraído das vagens da árvore pracaxi, da selva amazônica, o óleo recebe o título de milagroso justamente por causa de sua elevada capacidade de reconstruir a pele, sendo uma das mais maiores fontes de ácido behênico entre todas as plantas conhecidas.

Na verdade, o óleo de pracaxi possui cerca de seis vezes mais de ácido behênico que o óleo de amendoim.

Esta substância é famosa na indústria cosmética como alisante, e é constantemente adicionada a condicionadores e hidratantes para cabelos, inclusive com a finalidade de reparar pontas duplas, aumentar o brilho e diminuir a queda dos fios.

O óleo de pracaxi é fonte de vitaminas e ácidos graxos. É um produto altamente hidratante e nutritivo, capaz de formar uma camada protetora em torno da fibra capilar, ajudando a manter os fios protegidos dos efeitos dos raios solares. Ou seja, cria uma espécie de película age contra os fatores que ressecam, desbotam e provocam o frizz.

Outra vantagem do uso do pracaxi no cabelo é sua capacidade de prolongar a umidade e de controlar o volume. Sem contar o grande poder condicionante do líquido de “amolecer” a fibra capilar.

O resultado: madeixas mais brilhantes, macias, maleáveis e disciplinadas. Perfeito para quem busca um toque sedoso, especialmente nos cabelos coloridos ou muito danificados.

E como obter tanta coisa boa assim? Você pode usar o óleo de pracaxi para fazer umectações, otimizar as máscaras capilares que tanto ama ou, ainda, para finalizar o look.

Quando as temperaturas aumentam, aí é que é importante redobrar os cuidados, pois os fios ganham mais exposição aos fatores naturais e, portanto, ficam mais vulneráveis.

O ideal é adquirir o óleo de pracaxi puro, extravirgem, de boa procedência, para que os princípios ativos sejam garantidos – e você não jogue seu dinheiro, tempo e expectativas pelo ralo.

O fato é que muitas marcas de cosméticos já descobriram a fórmula do sucesso e investem no pracaxi. É o caso da Kérastase, por exemplo. Porém, há quem prefira o óleo puro, por questões de preço e, também, de resultados.

Vamos combinar que, tecnologias de fabricação de produtos à parte, um bom óleo vegetal 100% natural, prensado a frio, sem aditivos químicos e feito de maneira artesanal pode ser, simplesmente, incrível!

Benefícios do óleo de pracaxi na pele

Assim como nos cabelos, na pele o óleo de pracaxi também age como um tipo de película de proteção natural, ajudando a manter a água dentro dos poros, isto é, prolongando a hidratação da cútis. E ainda regenera e amacia a epiderme.

O líquido é empregado na cicatrização e redução de manchas, auxiliando em casos de dermatite e psoríase, além de renovar as células e favorecer tratamento e prevenção de estrias.

No caso específico das estrias, pode ser empregado como medida reparadora ou protetora nas estrias pós-parto, no desenvolvimento físico dos adolescentes ou pessoas em processo de emagrecimento. Ele promove a elasticidade e reduz o risco de rompimento das fibras do tecido cutâneo.

E mais: possui capacidade antibacteriana importante e propriedades antissépticas; é uma boa opção no alívio da vermelhidão e da coceira em peles irritadas.

No rosto, o óleo de pracaxi fornece boa ação antioxidante e substâncias que contribuem para redução das linhas finas de expressão. Um fator que, aliado à renovação celular, faz do produto uma alternativa natural contra o envelhecimento.

Bolhas de febre, cicatrização de feridas, acne severa, rugas, cicatrizes variadas, hiperpigmentação provocada por rompimento da pele e desequilíbrio hormonal são outras condições nas quais o óleo tem utilidade.

Revitalize sua beleza com o óleo de pracaxi!

E até a próxima…

Deixe seu comentário!