Uncategorized

Os benefícios do Óleo de Gergelim

Óleo de gergelim benefícios

O gergelim é uma excelente fonte de proteínas, fibras e “gorduras do bem” (monoinsaturadas). Cultivada desde a antiguidade, é uma das plantas mais antigas semeadas pelo homem, que dela extrai um produto igualmente rico nutricionalmente, o Óleo de Gergelim.

Hoje, você vai entender porque este óleo é o queridinho tanto da culinária asiática quanto das medicinas orientais. E vai saber como usá-lo na sua cozinha.

Há quem diga, inclusive, que o gergelim pode ajudar a conquistar a (por muitos) tão sonhada dupla barriga sequinha e cintura fina.
O responsável por tudo isso seria o consumo correto dos nutrientes contidos nas sementes que dão origem ao óleo, isto é, graças às proteínas, cálcio, ferro, ômega 3 e vitaminas E, B1 e B2. Juntos, eles seriam a chave do sucesso de um emagrecimento saudável e eficiente.

Conheça as 4 principais vantagens do Óleo de Gergelim

  1. Pode ser aquecido – Bingo! Ao contrário do azeite de oliva, o óleo extraído do gergelim pode ser submetido ao calor sem sofrer oxidação e liberar toxinas. Ou seja, pode usar o produto sem receio de trocar benefícios por malefícios.
  2. Aliado contra ressecamento – A medicina ayurvédica diz que o Óleo de Gergelim é ótimo para quem sofre com pele, cabelos, cólon e olhos ressecados.
    O uso constante do líquido, portanto, ajudaria a proporcionar mais hidratação e conforto nestes casos.
  3. Coadjuvante no tratamento de dores – Seja como óleo de massagem ou comestível, o produto é indicado para quem tem dores crônicas, em especial a artrite.
  4. Ação anti-inflamatória natural – Para a medicina chinesa, o Óleo de Gergelim atua como anti-inflamatório, antibactericida e ainda auxilia no combate à hipertensão arterial (pressão alta) e, ao reduzir o nível de açúcar no sangue, ajuda a controlar o diabetes.

Veja abaixo mais motivos para incluir o Óleo de Gergelim na sua dieta

E tem muito mais benefícios do Óleo de Gergelim:

  • Estimula o crescimento saudável dos ossos, graças aos minerais encontrados nele, em especial o cobre, o zinco e o cálcio;
  • melhora a saúde do coração e da boca;
  • auxilia no controle da ansiedade e depressão;
  • protege a saúde das crianças;
  • favorece a prevenção do câncer;
  • ajuda no processo digestivo.

Ainda sobre a saúde dos cabelos, o efeito antibacteriano do Óleo de Gergelim é capaz também de lutar contra diversos patógenos ou corpos estranhos que atacam o couro cabeludo.

Dicas de como usar o Óleo de Gergelim

oleo-de-gergelim

O Óleo de Gergelim, além de nutritivo, é ideal para dar um toque, digamos, exótico aos preparos. Só não pode exagerar! É que ele tem sabor forte e, ao abusar do tempero, pode ser que, em vez de aliado, o produto se transforme em “vilão” da culinária.

Portanto, nada de usar a mesma quantidade de Óleo de Gergelim que você usaria no caso de um óleo mais neutro. O truque é colocar um pouquinho e ir experimentando até achar o ponto ideal para você.

Fora isso, é possível utilizar o Óleo de Gergelim ainda para refogar alho ou cebola no início de uma receita. Perfeito também para dar aquela douradinha especial nos legumes, além de gosto diferenciado à massa e até criar sobremesas como panquecas doces e crepes. Hum…

Antes de praticar seus dotes culinários, uma observação: se você estiver tomando anticoagulante ou remédio para afinar o sangue, é imprescindível falar com seu médico sobre adição de Óleo de Gergelim à sua dieta.

É que ele reduz a pressão arterial e a viscosidade do sangue. O que pode ser potencialmente arriscado se o produto for combinado com os itens citados anteriormente.

Tomadas as devidas precauções, basta experimentar, testar e descobrir o seu prato predileto com o Óleo de Gergelim. E se você gostou do Óleo de gergelim, também recomendo que conheça o Óleo de Copaíba, ele é muuuito bacana.

Bom apetite! Até a próxima.

1 Comentário

Deixe seu comentário!