Uncategorized

Conheça as vantagens do Óleo de Macadâmia

Óleo de macadâmia benefícios

Como em um passe de mágica, as prateleiras passaram a exibir, entre seus inúmeros tipos de sabonetes, cremes, hidratantes, xampus, condicionadores e máscaras um produto de nome no mínimo curioso: macadâmia.

Das marcas acessíveis às mais exclusivas, lá está ele, um dos queridinhos da vez quando o tema é cuidados pessoais e beleza.

E as razões são até bem fáceis de entender: além do cheirinho levemente adocicado e diferenciado, os vários benefícios que o Óleo de Macadâmia têm a proporcionar.

Entre eles, estão a luta contra o envelhecimento e a prevenção de várias doenças, inclusive o câncer, por combater os efeitos dos indesejáveis radicais livres.

Mas, antes de prosseguir, vamos saber como tudo começa. O Óleo de Macadâmia é extraído da árvore perene da família das proteáceas, a Macadamia ternifolia.

Nativo da Austrália, Nova Zelândia e Malásia, esse vegetal é também bastante cultivado por seu fruto comestível, a noz-macadâmia.

Curiosidades à parte, o fato é que o Óleo de Macadâmia ganhou fãs por toda a parte porque traz um plus em relação aos demais: contém ácido palmitoleico, um ácido graxo mais conhecido como ômega 7.

O ácido palmitoleico é encontrado naturalmente na secreção sebácea da pele, em especial nos bebês, crianças e adolescentes. Com o passar do tempo, a quantidade dessa substância vai diminuindo, fazendo necessária a reposição da mesma através da alimentação.

O Óleo de Macadâmia dá um up na saúde e no aspecto da pele, principalmente em pessoas com idades mais avançadas, deixando-a mais jovial e bonita. Mas os benefícios do produto não param por aí…

Mais vantagens do Óleo de Macadâmia…

Se, de fora para dentro, o Óleo de Macadâmia já é um sucesso danado na cútis e na autoestima, imagine o que ele pode faz quando utilizado naquela sua receitinha preferida.

A ingestão (moderada) desse óleo ajuda a controlar as taxas de colesterol em até 10%, pois oferece ao corpo as chamadas gorduras saudáveis, ou monoinsaturadas, além de grande quantidade de fibras e vitamina B1.

Uma boa opção para regar a salada diariamente. Bastam duas colheres de sopa de Óleo de Macadâmia e está pronta a entrada nutritiva e de aroma incomparável.

E convém mesmo não exagerar na dose, pois essa noz saborosa da qual se obtém o óleo é altamente calórica. São cerca de 1000 calorias por xícara de macadâmia.

Da mesa, vamos agora ao banheiro, saber o que o óleo pode fazer por seus cabelos. Sim, ele auxilia na hidratação e proteção dos fios.

Usá-lo com frequência proporciona uma espécie de blindagem contra os efeitos de produtos químicos. Isso porque ele é absorvido rapidinho pelo cabelo e couro cabeludo.

Outro ponto positivo em favor do líquido é seu auxílio na redução do frizz, do volume e embaraço de todos os tipos de madeixas – especialmente as cacheadas. Disciplina já!

E ainda: proporciona mais brilho e elasticidade ao cabelo, mantendo-o longe das desagradáveis pontas duplas e da queda.

Por ser emoliente e hidratante natural, o Óleo de Macadâmia é perfeito para melhorar o aspecto da pele seca, aumentar a suavidade do cabelo e, também, recuperar cutículas danificadas.

Para aproveitar todas essas vantagens do produto, você pode encontrá-lo em mercados, casas de produtos naturais e na internet.
O preço varia de acordo com a finalidade. Por exemplo: para cozinhar, o óleo extraído da macadâmia custa em média R$30 (250 ml); para aplicação na pele e cabelos, fica por aproximadamente R$10 (100 ml).

Viu só quantas razões para investir no Óleo de Macadâmia? Está esperando o que para desfrutar do alto poder nutritivo dessa verdadeira maravilha da culinária e beleza?

Corra! Até a próxima.

Deixe seu comentário!